top of page
  • Foto do escritorCarlos Faustino

O perigo mora nos detalhes


Uma das premissas que se ensina nos MBAs é que: “Não se deve complicar o que é simples”.


Comentário do dia a dia: Estamos em tempos de crise. Para expressar tal situação, não encontro definição melhor do que a do idioma chinês, na qual crise é a soma de dois ideogramas: “perigo” e “oportunidade”, facetas opostas e complementares da mesma.

Eis o maior perigo: diz o dito que o “perigo mora nos detalhes”. E é justamente nos “detalhes”, na parte burocrática e formal, ou nas atividades-meio, que se encontra a diferença entre o perigo e a oportunidade.


É neste momento, que nós não nos apercebemos que estamos querendo ser mais realista que a situação realmente é.


Debruçamo-nos em lamentações, em comparações mal feitas com nossos concorrentes, analisamos mal nossa equipe de colaboradores onde destacamos somente a longevidade de cada um na empresa e não sua contribuição dentro da organização, nos preocupamos com valor de diária sem se preocupar em agregar valores no nosso ticket médio, nos preocupamos com o que o concorrente está fazendo ao invés de pensar no que podemos fazer para ser melhores que eles, etc.


Dai, começamos a tomar atitudes individuais sem qualquer planejamento, sem qualquer objetivo definido, sem metas estabelecidas, ou seja, nos enquadramos dentro do Redemoinho do dia a dia, e passamos a ser bombeiros em vez de empresários, e não percebemos que a cada dia “nosso incêndio” abre novos focos.


Para com tudo...

Você está se esquecendo dos detalhes primordiais em qualquer organização, de qualquer tamanho, que é ADMINISTRAR.


Administrar é o processo de planejar, organizar, liderar, comandar, coordenar e controlar os esforços realizados pelos membros da organização, além de outros recursos para alcançar os objetivos da organização.


Assim, independente do tipo de organização o administrador sempre terá que:

Planejar: pensar, decidir, escolher antecipadamente seus objetivos, suas ações, seus atos, baseando-se em algum método, plano ou lógica, analisando a melhor forma ou estratégia para alcançar seus objetivos organizacionais.

Organizar: decidir que recursos e atividades são necessárias para atender os objetivos organizacionais, criando grupos de trabalho, atribuindo autoridade e responsabilidade para sua consecução.

Coordenar: selecionar, treinar, desenvolver e orientar os colaboradores necessários para serem mais produtivos.

Liderar: dirigir, influenciar, motivar os colaboradores para realizar as tarefas para consecução das metas, informando-os acerca de suas atribuições de trabalho. O processo de liderar envolve o trabalho com a pessoa, tornando-se mito concreto em relação ao planejar e organizar.

Controlar: Finalmente, o administrador deve certificar-se de que os atos dos membros da organização levam-no de fato em direção aos objetivos estabelecidos. Esta tarefa envolve os seguintes elementos:

  • Estabelecer padrões de desempenho

  • Medir o desempenho Atual

  • Comparar esse desempenho com os padrões estabelecidos.

  • Caso seja detectado desvio, executar ações corretivas.

  • Através da função controlar, o administrador mantém a organização no caminho escolhido e estabelecido.

Várias são as combinações dessas atividades, e podem acontecer ao mesmo tempo, por isso o administrador deve adaptar-se e conhecer bem o ambiente no qual a organização atua.

A ferramenta ideal para espantar o “perigo” é o Planejamento Estratégico.

Portanto, se você deseja ter as oportunidades que normalmente as crises proporcionam, comece agora o seu planejamento. Comece definindo para onde quer ir, o que deve fazer, onde fazer, como fazer, quem fará, que prazo será executada e com certeza o perigo que a crise está deslumbrando no futuro do seu negócio, poderá ser diluída no decorrer da execução das ações planejadas.


Tenha atitudes imediata antes que fique com CRISE DE CONSCIÊNCIA.

Carlos Faustino

Consultor de Gestão

Carlos.faustino@crfconsulting.com.br

11- 99950.35.50

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page